Caso de bebê que ingeriu cocaína em condomínio no bairro de Pituaçu é investigado pela polícia

O pai do bebê de um ano que ingeriu cocaína no último domingo (14/7), no bairro de Pituaçu, em Salvador, compareceu à Delegacia Especializada de Repressão a Crime contra Criança e Adolescente (Dercca), na noite de terça-feira (16). A informação foi confirmada  ao Aratu On pela  assessoria da Polícia Civil na manhã desta quarta-feira. 

De acordo com o órgão, o pai do bebê, que não teve a identidade revelada, informou que socorreu a criança, que passava mal, para o Hospital Roberto Santos. Ele afirmou que suspeitava que o filho havia ingerido substância entorpecente, após encontrar alguns pinos do material na varanda do apartamento, onde o menino brincava.

O material foi apresentado pelo pai na unidade. Guias para exames foram expedidas e a Dercca vai apurar o ocorrido.

ENTENDA O CASO

As informações iniciais dão conta de que a criança brincava no condomínio em que mora, localizado na Travessa Albertino Cabral Henrique, quando, em um momento de distração da babá, achou um pequeno tubo com a droga e o colocou na boca. 

Após a ingestão da substância, o bebê começou a apresentar alterações no comportamento, e foi socorrido para o Centro de Informações Antiveneno (Ciave), do Hospital Geral Roberto Santos, onde recebeu cuidados médicos. Apesar do susto, o menino passa bem.

Fonte: AratuOn

Comente Você Também!

comentários